Pages

3 receitas de Ricota Temperada

Olá amigos!
Vou adicionar aqui, receitas de Ricota, esse "queijo", entre aspas, na verdade, trata-se de um derivado de queijo de massa mole, fresco e baixo teor de gordura. Não é um queijo propriamente dito, uma vez que é preparado com o soro, e não o coalho.
Sua produção, ao contrário da maioria dos queijos, é feita não a partir de leite, mas a partir do soro de queijo, o que lhe confere a característica especial de um alto teor de soro-proteínas (alfa-lactoalbumina, beta-lactoglobulina), que são em geral, mais nutritivas que as proteínas dos queijos normais (cuja principal proteína na composição é a caseína )*.
Pela legislação brasileira e portuguesa é permitido adicionar parte de leite ao soro para aumentar o rendimento da fabricação.

Praticamente não tem sal, então, podemos obter um preparo com bastante liberdade na adição de ingredientes, tornando a ricota bem atrativa, com o sabor que mais nos agrada, além de ser bem nutritiva (ver explicação abaixo tirada do site www.queijosnobrasil.com.br ).

O soro lácteo ou soro de queijos é a fração que se separa da “massa” no decorrer de uma fabricação de queijos e pode representar até 90% do volume inicial do leite e contém não menos que 55% do extrato seco total do leite, enquanto matéria prima, ou em outras palavras, sua quantidade residual representa até 10 vezes mais que a do queijo produzido. Calculam-se uma produção de 75 milhões de toneladas anuais de soro lácteo no continente Europeu, 27 milhões na América do Norte e 8 milhões em outras áreas do planeta, num total de aproximadamente 110 milhões de toneladas, que se traduzindo em proteínas, representam cerca de 880 mil toneladas.

A proteína láctea possui uma particularidade interessante, está entre o pool de proteínas encontradas nos alimentos, com elevado valor biológico, compostas principalmente por aminoácidos essenciais e consequente valor biológico.

No Brasil, a Ricota é elaborada principalmente a partir de leite de vaca diferente de alguns países como Itália e França, que possuem elevada demanda de leite de ovelha e cabra, por conseguinte Ricota originária destes leites. O soro de leite de ovelha como exemplo, origina uma Ricota mais “gorda”, pelo elevado teor de gordura, originário do leite de ovelha. Naturalmente a Ricota elaborada a partir de leite de ovelha, possui um menor teor de umidade, quando comparada com a obtida a partir de leite de vaca. Não poderíamos deixar de citar a Ricota Romana (ovelha) adicionada de açúcar ou aromatizada de canela. Enfim, a Ricota não precisa ser necessariamente um produto, sem sabor, rotulado “para pessoas doentes” e sim uma excelente alternativa de produto para a indústria láctea e deliciosamente apetitosa para o consumidor final.

A Salga:
É opcional e deve ser mais uma decisão mercadológica que técnica, pois havemos de encontrar consumidores para as mais variadas adições (sem sal, com sal, condimentada, temperada, defumada, etc). A salga pode ser: através do queijo (Queijo Minas Frescal com salga no leite), por polvilhamento (polvilhando sal sobre a massa depois de aflorada) ou em salmoura (10 a 20 minutos para formas de 250 a 500 gramas respectivamente).

É sempre bem vindo aprendermos um pouco mais sobre os produtos que estão aí, à disposição de todos nós, e que por vezes, não nos interessamos em saber como surgiram, como é feito, etc. E a ricota, é um exemplo disso, já compramos pronta, igualmente ao queijo, porém, não é um queijo comum, isso já sabemos, mas, o que tem de diferente vimos um pouquinho aqui...

Vamos as Receitas!!!

Uma ressalva: *As receitas aqui adicionadas, são preparadas descartando o soro, ao contrário da explicação do site acima*.

INGREDIENTES: Ricota Tradicional
1- Litro de Leite*
4- Colheres (sopa) de Vinagre Claro
4- Colheres (sopa) de Água filtrada
2- Colheres (café) de Sal

INGREDIENTES: Ricota Picante
1- Litro de Leite*
4- Colheres (sopa) de Vinagre Claro
4- Colheres (sopa) de Água filtrada
2- Colheres (café) de Sal
3- Colheres (café) de Pimenta Calabresa

INGREDIENTES: Ricota com Oregano
1- Litro de Leite*
4- Colheres (sopa) de Vinagre Claro
4- Colheres (sopa) de Água filtrada
2- Colheres (café) de Sal
3- Colheres (café) de Oregano

PREPARO: Ricota Tradicional
Coloque o Leite em uma panela, leve ao fogo e quando levantar fervura desligue o fogo.
Acrescente o Vinagre***, a Água, mexa e deixe esfriar por uma hora, pois enquanto esfria ele vai coalhando.
Estenda um pano sobre uma panela como se fosse um coador.
Despeje o Leite coalhado sobre o pano e deixe escorrer todo o soro.
Descarte o soro que passou pelo pano.
Enrole o pano e aperte bem para que escorra o restante do soro.
Tempere a Ricota com o Sal e coloque dentro de um a aro ou forma pequena amassando com as costas de uma colher.
Leve a geladeira e deixe por uma hora.
Desenforme e sirva.

PREPARO: Ricota Picante
Coloque o Leite em uma panela, leve ao fogo e quando levantar fervura desligue o fogo.
Acrescente o Vinagre***, a Água, mexa e deixe esfriar por uma hora, pois enquanto esfria ele vai coalhando.
Estenda um pano sobre uma panela como se fosse um coador.
Despeje o Leite coalhado sobre o pano e deixe escorrer todo o soro.
Descarte o soro que passou pelo pano.
Enrole o pano e aperte bem para que escorra o restante do soro.
Tempere a Ricota com o Sal, a Pimenta Calabresa e coloque dentro de um a aro ou forma pequena amassando com as costas de uma colher.
Leve a geladeira e deixe por uma hora.
Desenforme e sirva.

PREPARO: Ricota com Orégano
Coloque o Leite em uma panela, leve ao fogo e quando levantar fervura desligue o fogo.
Acrescente o Vinagre***, a Água, mexa e deixe esfriar por uma hora, pois enquanto esfria ele vai coalhando.
Estenda um pano sobre uma panela como se fosse um coador.
Despeje o Leite coalhado sobre o pano e deixe escorrer todo o soro.
Descarte o soro que passou pelo pano.
Enrole o pano e aperte bem para que escorra o restante do soro.
Tempere a Ricota com o Sal, o Oregano e coloque dentro de um a aro ou forma pequena amassando com as costas de uma colher.
Leve a geladeira e deixe por uma hora.
Desenforme e sirva.

Dicas:
*Leite: integral, desnatado, semi-desnatado ou de saquinho. Depende se você quer mais light e com menos gordura, etc.

***Vinagre: não coloca de uma vez, vai pingando aos poucos assim o queijo fica menos ácido. Quando ele talhar pode parar de pingar o vinagre


Fonte:http://www.mytaste.com.br/r/tudo-sobre-ricota-e-receitas-9610896.html

Nenhum comentário:
Faça comentários