Pages

Carne de Sol com Pirão de Mandioca

Não se preocupe com a confusão de ser pirão ou purê. De ser mandioca, macaxeira ou aipim o que importa é que fica muito gostoso.

Carne do sol:
04 bifes de carne do sol
01 cebola grande
02 colheres de azeite
50g de manteiga

Mandioca:
500 g de aipim
2 litros de água
01 colher de sopa de sal

Pirão ou Purê:
500 ml da água do cozimento do aipim
500 g de aipim cozido
200 ml de leite integral
50 g de queijo parmesão ralado
50 g de manteiga
Sal a gosto

Iniciar receita:
Para começar a receita é fundamental a escolha de um bom aipim, daqueles que cozinha até desmanchar, facilita a receita. Hoje em dia a carne do sol é facilmente encontrada em embalagens a vácuo nos supermercados, eu sugiro o corte Alcatra.

Mandioca:
Numa panela de pressão, coloque a água para ferver, enquanto isso corte a mandioca pedaços e descasque-o. Quando a água chegar ao estado de fervura junte o sal e o aipim, feche a panela, em fogo baixo deixe cozinhar por 30 minutos mais ou menos.

Pirão:
Depois de cozinhar o aipim, aguarde uns 20 minutos para esfriar um pouco. Retire a fibra que fica no meio da mandioca. No liquidificador coloque a água do cozimento do aipim, o aipim, o leite, o queijo e bata ate que todo o aipim se dissolva. Coloque o creme numa panela, em fogo baixo mexa até ele adquirir a consistência desejada, uns gosto mais denso e outros mais liquido. Finalize com a manteiga para dar sabor e brilho. Eu não costumo colocar sal, o queijo já me dar o quero, mas prove o pirão no final e veja se precisa.

Carne do sol:
Corte os bifes de carne do sol, passe na água corrente e enxugue-os com papel toalha. 

Em fogo alto aqueça uma frigideira de fundo grosso. Quando estiver bem quente, coloque o azeite e a carne do sol. 
Depois de 3 minutos vire o lado e deixe por mais 3 minutos. Coloque a manteiga e a cebola e deixe e mexa até a cebola amolecer. 
Sirva a Carne do Sol com Pirão de Mandioca com um vinagrete da sua escolha.

Fonte:http://agnescostarotava.blogspot.com.br/2011/05/carne-do-sol-com-pirao-de-aipim.html

Nenhum comentário:
Faça comentários